🔊 PROCURADOR DA LAVA JATO DE CURITIBA (PR) MENTIU.

🔔O PROCURADOR FEDERAL CARLOS FERNANDO DOS SANTOS LIMA, INTEGRANTE DA LAVA JATO EM CURITIBA (PR), PUBLICOU EM SEU PERFIL NO FACEBOOK QUE A OPERAÇÃO ESTÁ AMEAÇADA POR MICHEL TEMER:  FONTE: " ♫BLOGDACIDADANI "

💡* O comentário acompanhava o compartilhamento de uma reportagem sobre um parecer em que o governo Michel Temer, por meio da AGU (Advocacia-Geral da União), defende no STF (Supremo Tribunal Federal) a revisão da possibilidade de prisões após condenação de segunda instância.

VÍDEO + EM BAIXO

  

O procurador afirmou que “o Governo Temer está fazendo, pouco a pouco, o que o Governo Dilma queria, mas não conseguiu: destruir a Lava Jato e toda a esperança que ela representa”.

Veja, abaixo, a publicação de Santos Lima. Em seguida, o comentário do Blog da Cidadania sobre essa afirmação de que a ex-presidente Dilma tentou acabar com a Lava Jato.


😲 O procurador Carlos Fernando dos Santos Lima está mentindo. Dilma nunca fez um mísero movimento para interromper a Lava Jato.

Muito pelo contrário: Dilma Rousseff propôs e sancionou a lei 12.850/13, a Lei das Organizações Criminosas, que instituiu os mecanismos pelos quais a Lava Jato vem cometendo montanhas de erros e alguns acertos insuficientes para compensar os erros.  Veja; "Aqui

Além disso, eu, Eduardo Guimarães, desafio esse ou qualquer outro cidadão brasileiro a citar uma única medida que Dilma Rousseff tenha tomado para prejudicar a Lava Jato. Aliás, ela foi derrubada porque não quis tomar medidas que Temer foi colocado no poder para tomar.
PS: o leitor Maurício Quirino bem lembrou que o discurso desse procurador mudou muito. Antes ele dizia que o PT os governos petistas nunca tinha interferido nas investigações; agora, desdiz o que dissera. Leia matéria sobre isso na Folha de SP,  " Aqui "

😎📡 FONTE: " VER100TIR " .

VÍDEO +  EM BAIXO

DEIXE O SEU COMENTÁRIO:


Leitor, divulgue estes fatos para combater a mentira torpe, irresponsável, criminosa contada por esse indivíduo. E leia o PS após a imagem.

( VEJA TAMBÉM )